domingo, 1 de julho de 2012

Cinco Razões porque Deus escolheu o menor - Por Ricardo Ribeiro

Os parâmetros e critérios para as escolhas que Deus faz são frontalmente opostos aos nossos. Isto porque Ele não se guia pela aparência efêmera do ser humano ou as circunstâncias superiores que envolvem sua vida. Nenhum de nós jamais pela nossa lógica escolheria um pastor de ovelhas para ser Rei de uma nação. O eliminaríamos sem cerimônias. Contudo, não foi assim com o jovem perseguido pelos seus irmãos. Deus o elegera “o homem segundo o seu coração.” Dígno de ocupar o posto mais elevado em Israel. Mas, porque? 



Lemos no Cap. 16 do primeiro livro do Profeta Samuel, que o mesmo chegando na casa de Jessé o Belemita, sob pretexto de sacrificar para não chamar a atenção do caído Rei Saul, e após ver todos os seus filhos e ser recomendado pelo Senhor a não ungir ninguém pela aparência, pois o Senhor não via como o homem vê, mas sonda os corações, pergunta ao chefe da casa no verso 11: “Acabaram-se os mancebos?” Ao que Jesse lhe respondeu: “Ainda falta o menor.” 



Imagino o emissário enviado para trazer o menor até a presença do Sacerdote, Profeta e Juíz de Israel, chegando ofegante e tenso. Ao que o menor, quando este chega, pergunta o que houve. Deduzo sua explanação do caso e o relato das autoridades que haviam chegado em sua casa e que decidiram não sentarem em volta da mesa a cear enquanto ele não chegasse. Penso ainda que Davi tenha temido, uma vez que seus irmãos não tinha uma convivência pacífica com ele. O que haviam aprontado agora que Davi, por isso seria responsabilizado? 



Ele parte para seu lar deixando as ovelhas do seu pai com outro encarregado. Ao chegar, depara-se com uma comitiva solene e grave. O coração gela. E mais ainda quando chamado pelo Profeta Samuel ao centro da sala, no meio dos seus irmãos, especialmente quando este o manda ajoelhar-se e retira sua almotolia de azeite vertendo-a sobre sua cabeça para surpresa de todos. Ali estava sendo escolhido, separado, consagrado e ungido, o novo Rei de Israel. Os problemas acabaram? Pelo contrário, a rivalidade e desprezo por parte dos seus irmãos aumentaram. E como ele não foi diretamente para o trono, amargou muita perseguição ainda. Mas, afinal porque Deus não escolheu seus irmãos que tinham habilidades e experiências militares e estavam sempre em campos de batalha? Porque, escolheu Davi, o menor da casa de seu pai? 


1º - Davi era Humilde: As tarefas as quais lhe eram atribuídas, como o apascentar as ovelhas do seu pai, o dormir junto as mesmas ao relento protegendo-as, alimentando-as e guiando-as, exigia mais do humildade, exigia amor por esses animais. Saul fora rejeitado porque só entendia da criação de jumentos, um animal rude que exige dono rude e isso era assimilado no tratamento interpessoal no reinado. Sua precipitação e rudez lhe retiraram o Reino que fora entregue ao menor, por ser Humilde de coração, como recomendara Jesus em Mt. 11:29. 


2º - O Menor era Trabalhador: Cuidar de ovelhas exigia atenção redobrada, não só alimentá-las e guia-las nos caminhos mais perigosos, mas sobretudo, por exigir proteção dos predadores como os lobos, ursos e leões famintos, com os quais sempre havia um duelo mortal. E um homem preguiçoso não daria conta de tal empreitada. Quando perguntado no meio da tempestade, qual era sua ocupação, Jonas não tinha como responder pois estava fugindo dela e o resultado foi catastrófico (Jn. 1:8). Jesus afirmou: “Meu pai trabalha até agora e eu trabalho também.” (Jo 5:17) Ninguém pode exigir de Deus nada se não gosta de trabalhar, muito menos para Ele. Existe o crente Preocupado, o Desocupado e Ocupado. E Deus tem compromisso de honrar este último. 


3º - O Menor era Adorador: A maioria dos Salmos, as famosas composições musicais judaicas, foram feitas por Davi. Nos vales, desertos, cavernas, nas vitórias e derrotas também, sua harpa estava com ele para exaltar o Deus de Israel ou para acalmar o seu Rei perturbado por espíritos malignos, afinal, o louvor afugenta o mal. O menor era entusiasta da adoração verdadeira, diferente da Musicalidade Mercadológica que se vê nestes últimos dias, da glória pessoa e promocional de bandas e celebridades e pasmem, das chamadas blasfemamente “divas” gospel. Título que muitas aceitam para sua própria perdição. A razão maior porque muitas não defendem a pauta Pró-Família é o fato de terem contrato com gravadoras Maçônicas Pró-LGBTS. Preferem a glória e riquezas terrenas, do que a vergonha da Cruz. 


4º - O Menor era Corajoso: Ninguém demonstrou tanta coragem ao longo da bíblia quanto este valente homem. Que de pastor, após a unção divina, transformou-se em um dos Generais mais respeitados da história. Derrotar um Urso faminto ou um Leão selvagem, um Gigante terrorista ou um exército sanguinário de mercenários pagãos, não era nada para quem tinha a unção do Estado maior celestial. Os dias que vivemos não aceitam neutralidade. Ficar em cima do muro resultará em tragédias como a registrada com o jovem Eutico (At. 20:9). Ou estamos com o Sal ou com a carne podre, com a Luz ou com as trevas, ou estamos com os Aliados Pró-Família ou com o exército Comunista Ativista Pró-LGBTS. Não há meio termo. E a ordem dita a Gideão é a mesma aplicada aos nossos dias: “Diga aos covardes que voltem!” (Jz 7:3). Mas, a ordem para os seus é: "Diga ao povo que marchem!" (Ex 14:15).

5º - O Menor era Perdoador: Após pecar, o menor reconheceu seu erro e arrependido suplicou para não ser lançado da presença do Altíssimo e que não fosse retirado dele o Seu Espírito Santo, que era a razão para tantas vitórias e glórias em sua vida. O menor também era humano falho e limitado. Mas, foi curado em sua alma a despeito de ter de sofrer as consequências dos seus atos. Não só pedir perdão, perdoar era a marca maior do Menor. Três vezes o Rei Saul atentou contra sua vida e ele o perdoou de coração, e chorou quando de sua morte e de seus filhos, e a tantos outros adversários em seu caminho. O perdão é a vingança das almas nobres, é o bálsamo sobre as feridas da alma. 


Quantas pessoas gastando rios de dinheiro por causa de doenças psicossomáticas (Iras e contrariações na alma que se materializam no corpo: úlceras, tumores malignos, paralisias, avcs, etc.) E por falta do perdão tais pessoas não são libertas de tais males. Se é o seu caso, perdoe, se livre desta mágoa que lhe tem feito tanto mal. E se comprometa a pedir perdão, se foi o ofensor. E verás o céu abrir de novo para você. Davi amealhou vitórias várias em sua vida, porque além de Menor, era Humilde, Trabalhador, Adorador, Corajoso e Perdoador, conquistando o título de Grande Rei de Israel, do qual descende o próprio Messias, o Salvador. Cultivemos as características do menor. Ele não chegou no topo de elevador, subiu pacientemente a escadaria, não foi um ministério de Carboreto mas amadureceu no tempo de Deus.
Blog Widget by LinkWithin

4 comentários:

  1. Que pregaçao poderosa e linda do meu irmao Assembleiano Ricardo Ribeiro de França!!! Compartilhemos e divulguemos,pois aqui nao tem heresia nao!!! Que nosso Deus em sua infinita Misericordia e Graça continue a te usar mais e mais e a levar a sua Verdade ate os confins da Terra,e olha que ja chegou pois estou aqui no Japao rsrsrsrs,e tenho acompanhado o seu blog,que esta na visao de Deus mesmo,Gloria a Deus !!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Arigato minha amigo Nipo-Brasileira, irmã Cristiane. Sua presença e seus comentários são uma injeção de ânimo para nós. És sempre bem-vinda amiga. E digo mais, quando tiver algum artigo ou texto interessante de sua parte que quiser que nós publiquemos aqui, é só enviar. Publicaremos com muito orgulho, ok? Abraços, paz.

      Excluir
    2. Pastora Andréia1 de julho de 2012 23:59

      Parabéns Pr. Ricardo Ribeiro, excelente explanação bíblica sobre essa personagem tão inspiradora quanto foi Davi. Peço permissão para usá-la, se possível. Shalom Adonai.

      Excluir
  2. hoje temos que lutar contra as hostes infernal da maldade mas a maioria das vezes nesses dias que vivemos esta sendo ao contrario.

    ResponderExcluir

Este Blog é voltado para defesa da Família Mundial Cristã. Denunciamos os ataques dos Ativistas Homossexuais a nível Internacional, deixando claro que amamos a pessoa que está Homossexualizada e pode receber libertação, desde que o queira. Somos contra a PL 122 e o Kit-Gay, que quer retirar nossas crianças do nosso poder para o Estado Socialista-Marxista-Comunista doutrinando-as e fazendo nelas uma lavagem cerebral homossexual.

Assista estes vídeos que entenderá nossa proposta:

http://www.youtube.com/watch?v=suxtZAXtqng

http://www.youtube.com/watch?v=dIKS2jC-Tvo

Serão deletados todos comentários Racistas, Difamatórios, Anti-Cristãos enfim, que não se coadunem com a linha editorial saudável seguida por este Blog. Deus abençoe aos que contribuirem para um debate construtivo e democrático. Use sua criatividade e inteligência e deixe um comentário marcante, honesto e justo, que revele SOMENTE A VERDADE.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...