sexta-feira, 7 de junho de 2013

General Americano culpa Militares Homossexuais por massacre na Iuguslávia.

Massacre de Srebrenica é culpa de militares homosexuais
Tropas com moral minada são razão de massacre, afirma general americano19.03.2010

 
Um violento protesto por parte da Holanda, foi a resposta a comentários feitos por um general norte-americano sobre o comportamento das tropas holandesas durante o conflito na antiga Jugoslávia, nomeadamente nos acontecimentos que levaram ao massacre de Srebrenica.

Segundo o general dos fuzileiros navais norte-americanos John Sheenan, na reserva, nos dias que antecederam o inicio do massacre, em que milhares de bósnios muçulmanos foram massacrados por soldados sérvios de religião ortodoxa, as tropas holandesas em Srebrenica, que poderiam ter impedido o massacre, não o fizeram por causa da presença de militares homossexuais nas fileiras holandesas, que minaram a moral das tropas, levando indirectamente a que as tropas holandesas permitissem aos sérvios iniciar o massacre.

Além de considerar a presença de homossexuais como uma das causas do massacre, o general também adiantou que ele foi praticamente autorizado pelos holandeses, porque estes não queriam ter que afrontar as poderosas associações sindicais militares holandesas.

A mistura de militares homossexuais, numa força onde além disso é permitida a existência de associações sindicais militares, minou profundamente a vontade de lutar das forças holandesas e em última instância levou à morte de mais de seis mil pessoas às mãos das milícias Sérvias, acrescentou o general.

Quando um dos parlamentares perguntou ao general se os holandeses lhe tinham dito que Srebrenica tinha caído, porque havia homossexuais no exército holandês, a resposta foi clara e curta: Sim !

As declarações foram proferidas pelo militar numa audiência perante uma Comissão do Senado norte-americano, que pretende estudar a possibilidade de ser autorizado o serviço militar naquele país a cidadãos abertamente homossexuais.

Entretanto, as declarações foram fortemente criticadas pelo embaixador holandês nas Nações Unidas, pelos militares holandeses e já na Sexta-feira pelo próprio ministro da defesa daquele país.
Os holandeses afirmam que possuíam em Srebrenica uma força relativamente mal equipada de 450 soldados. Essa força não estava pura e simplesmente em condições de defender a cidade, onde os muçulmanos estavam refugiados e que acreditaram que a tropa holandesa os poderia proteger.

As Nações Unidas, terão considerado que seriam necessários 34.000 militares para defender de forma eficiente o enclave de Srebrenica, que estava completamente cercada por forças Sérvias. Apenas 7.600 militares das Nações Unidas se encontravam da região, entre os quais os 450 holandeses de Srebrenica.

Também segundo fontes holandesas, não há qualquer registo que a questão da presença de militares abertamente homossexuais entre as forças holandesas tenha alguma vez sido alvo de qualquer questão entre as forças colocadas naquele teatro de operações. O exército da Holanda permite o serviço militar a pessoas abertamente homossexuais desde 1974.

Nos Estados Unidos esse tipo de serviço é proibido, estando em vigor uma politica a que os norte-americanos chamam de «Don’t ask Don’t Tell» Não pergunte, não diga. A mudança desta regra, foi uma promessa eleitoral da administração Obama.

Blog Widget by LinkWithin

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este Blog é voltado para defesa da Família Mundial Cristã. Denunciamos os ataques dos Ativistas Homossexuais a nível Internacional, deixando claro que amamos a pessoa que está Homossexualizada e pode receber libertação, desde que o queira. Somos contra a PL 122 e o Kit-Gay, que quer retirar nossas crianças do nosso poder para o Estado Socialista-Marxista-Comunista doutrinando-as e fazendo nelas uma lavagem cerebral homossexual.

Assista estes vídeos que entenderá nossa proposta:

http://www.youtube.com/watch?v=suxtZAXtqng

http://www.youtube.com/watch?v=dIKS2jC-Tvo

Serão deletados todos comentários Racistas, Difamatórios, Anti-Cristãos enfim, que não se coadunem com a linha editorial saudável seguida por este Blog. Deus abençoe aos que contribuirem para um debate construtivo e democrático. Use sua criatividade e inteligência e deixe um comentário marcante, honesto e justo, que revele SOMENTE A VERDADE.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...